Homenagem a Miguel Gallego Garcia

Confraternização: diretores e associados após o encerramento da votação

O FPPS – Fórum dos Participantes dos Planos de Suplementação de Aposentadoria de Empresas de Energia Elétrica do Estado de São Paulo torna pública a homenagem póstuma ao grande mentor Miguel Gallego Garcia, pela visão, pioneirismo e trabalho na construção do nosso fórum. Sem seu comprometimento e força de vontade para superar as adversidades, certamente a entidade não estaria representando os aposentados e trabalhadores na ativa.

Natural de São Paulo (SP), Miguel Gallego Garcia nasceu em 28 de setembro de 1947 e casou-se aos 28 anos com Elza Ruth, com quem teve três filhos – Tatiana, Thiago e Tarsila – provendo-lhes educação, dignidade moral e respeito ao próximo. Faleceu em 4 de abril de 2015 e, para homenageá-lo, o primeiro neto levará seu nome: Miguel.

Em 1972, formou-se engenheiro eletricista pela Escola de Engenharia Mauá. No ano seguinte entrou para a Light Serviços de Eletricidade S.A como assistente técnico, ocupando posteriormente vários cargos gerenciais até se aposentar em 1998 como diretor de distribuição – na época, Eletropaulo. Com humildade e muito diálogo, dirigia-se a todos os trabalhadores sempre da mesma maneira independente: com fraternidade, amizade e consideração. Na FUNCESP – Fundação CESP, fez parte do Conselho de Curadores e foi diretor de Benefícios Sociais.

Entre suas realizações, orgulhava-se de pertencer à GLESP – Grande Loja Maçônica do Estado de São Paulo, chegando a Grande Inspetor Geral (Grau 33); de cursar o CPOR/SP – Centro de Preparação de Oficiais da Reserva de São Paulo; e de fazer parte do FPPS – Fórum dos Participantes dos Planos de Suplementação de Aposentadoria de Empresas de Energia Elétrica do Estado de São Paulo. Como presidente, exerceu o mandato desde a fundação em 1º de setembro de 2008 até 31 de agosto de 2011 sendo, por força estatutária da época, o único reeleito à presidência.

Miguel Gallego Garcia foi muito mais do que um companheiro lutando pelos mesmos ideais. Agregador e exímio batalhador por justiça social e igualdade de oportunidades, deixou um riquíssimo legado de conhecimento e esperança; e todos têm o maior orgulho de dar continuidade à história que ele começou a escrever.